Browsing:

Categoria: Nutrição

Cenouras oferecem uma impressionante variedade de vitaminas e minerais

As cenouras estão entre as hortaliças mais reconhecidas no mundo moderno.

Certamente têm um lugar na cultura popular, em grande parte graças à sua representação como a comida favorita de coelhos.

Mas essa popularidade não é o motivo pelo qual você precisa de cenouras em sua dieta – esses deliciosos vegetais também estão entre os mais saudáveis do mundo, contendo alguns dos melhores perfis nutricionais que aumentam a saúde que você pode encontrar nos alimentos.

Cenouras são consideradas uma grande fonte de vitaminas, minerais, antioxidantes e outros fitoquímicos que os tornam uma parte essencial de qualquer dieta saudável, inclusive para emagrecer.

Embora você possa estar familiarizado apenas com cenouras alaranjadas, o vegetal realmente vem em uma ampla gama de cores.

Tipos de cenouras

Tipos de cenoura

O que é realmente fascinante é que a cor da cenoura lhe dá uma ideia de quais nutrientes ela tem maior concentração.

Cenoura laranja – O tipo mais comum de cenoura é rica em carotenoides, o mesmo químico natural que dá às plantas a cor vermelha e amarela.

Cenouras laranjas contêm altas concentrações de betacaroteno, que o corpo converte em vitamina A.

Esta vitamina é importante para a saúde da pele e dos olhos, funcionamento adequado das membranas mucosas e um forte sistema imunológico.

Cenoura amarela – Este tipo de cenoura não contém tanto betacaroteno como sua parente alaranjada, mas tem altos níveis de pigmento luteína.

Este nutriente é encontrado em altas concentrações na mácula do olho, onde funciona junto com a Zeaxantina para absorver a luz azul do ambiente, protegendo os olhos da cegueira causada pela degeneração macular.

Cenouras vermelhas – Embora contenham quantidades moderadas de luteína e betacaroteno, as cenouras vermelhas são excelentes em seu teor de licopeno.

O licopeno é um antioxidante notável por sua capacidade de protegê-lo do câncer e danos causados pelo sol, bem como melhorar a saúde do seu coração. O licopeno também possui potentes propriedades anti-inflamatórias.

As cenouras vermelhas têm tanto licopeno quanto os tomates, tornando-as entre as melhores fontes naturais desse nutriente.

Cenouras roxas – Ao contrário dos três tipos de cenoura citados acima, as cenouras roxas obtêm sua cor não de carotenoides, mas de antocianinas.

São pigmentos vegetais que promovem a saúde do coração e do cérebro, auxiliando contra ansiedade e depressão. Além disso, as cenouras roxas protegem contra inflamações crônicas, infecções virais e câncer.

Cenouras brancas – Este tipo de cenoura tem concentrações muito baixas dos pigmentos vegetais encontrados em seus parentes profundamente coloridos.

No entanto, tem níveis superiores de potássio, um nutriente essencial para o bom funcionamento do organismo.

O potássio relaxa os vasos sanguíneos e reduz a pressão sanguínea durante o processo, tornando-o extremamente importante para um coração saudável. Também ajuda a manter músculos e ossos saudáveis.

Em geral, as cenouras fazem um ótimo complemento para qualquer dieta por causa de seu teor mínimo de calorias, uma xícara de cenoura crua contêm apenas 52 calorias. A mesma porção tem em quantidades insignificantes de gordura.

As cenouras têm uma classificação de 47 no índice glicêmico, mas uma carga glicêmica de apenas três.

A carga glicêmica leva em conta o conteúdo de carboidratos e fibras, tornando-o um modo muito mais preciso de determinar o impacto dos alimentos nos níveis de açúcar no sangue. As cenouras são, portanto, consideradas boas para os diabéticos.

As cenouras também são uma boa fonte dos seguintes nutrientes:

  • Vitamina B1, B3, B6 e B9
  • Vitamina C
  • Vitamina K
  • Manganês
  • Molibdênio
  • Fósforo
  • Magnésio
  • Fibra dietética

Algumas palavras de cautela: As cenouras são altamente pigmentadas. Devido a isso, comer grandes quantidades delas pode causar um efeito colateral menor chamado carotenemia, em que a pele fica com uma coloração amarelada.

Geralmente ocorre em bebês cujo alimento para bebês contém purê de cenoura. A carotenemia é temporária e, eventualmente, diminui à medida que o corpo elimina o excesso de betacaroteno.

Fontes:

http://cms.herbalgram.org/heg/volume11/12December/December2014FaMcarrots.html?ts=1541217950&signature=a7471aa0ac0110dfb3b0bd65db2cc76a

https://www.medicalnewstoday.com/articles/252758.php

https://www.allaboutvision.com/nutrition/lutein.htm

https://mentesacorposao.com


Remédio para emagrecer é necessário?

Remédio para emagrecerNão existe fórmula mágica para emagrecer.

É preciso uma disciplina, consciência e abrir mão de diversas coisas para se atingir esse objetivo.

No intuito de emagrecer, diversas pessoas criam situações mirabolantes, acreditam em remédios que prometem perder peso, mas que na verdade, não realizam nada do que prometeram.

O principal, para quem quer atingir esse objetivo, é ter em mente que será preciso diminuir a quantidade de comida consumida, mudar os hábitos alimentares e evitar tudo aquilo que é gostoso, mas que faz “mal”.

Começando a mudar a sua forma de pensar, o seu objetivo será alcançado de forma mais fácil.

Nem sempre, escolher um remedio para emagrecer natural é o mais recomendado. Para ser sincera, a escolha de tomar remédio deve ser o último caso e sempre acompanhada de um profissional da saúde.

Por isso, ao invés de buscar saber o melhor remédio para emagrecer, você mesmo deveria fazer a sua dieta, preparar a sua alimentação. Isso fará com que você usufrua de alimentos naturais, onde você sabe a procedência, conhece quem fez e sabe o modo como foi preparado.

Não recorra a remédios para emagrecer, saiba que eles não irão funcionar se você não tiver uma disciplina, junto com dietas, prática de atividades físicas e uma boa noite de sono.

Eu quero mostrar a vocês o quanto pode ser prejudicial o uso de remédios para emagrecer.

Por isso, nesse texto eu elaborei os riscos presentes na utilização de medicamento para emagrecer e darei dicas para que você consiga emagrecer de forma natural e saudável.

Existem riscos de tomar remédios para emagrecer?

Riscos de se tomar remédio para emagrecerOs remédios para emagrecimento podem ser extremamente perigosos para a sua saúde.

Acontece que, geralmente quando tomamos um remédio, este possui algum efeito colateral e com os remédios para emagrecer não é diferente.

Eles também podem apresentar reações adversas e algumas delas podem ser bem preocupantes. Essas reações variam de acordo com o princípio ativo do remédio e também com o local do corpo em que ele atua.

Existem três tipos de remédios para emagrecer: os anorexígenos, os sacietógenos e os inibidores de gorduras.

Os anorexígenos podem causar irritação, insônia, tremores, alterações no humor e aumento da pressão arterial.

Já os sacietógenos apresentam efeitos colaterais como a irritação, a insônia e o aumento dos batimentos cardíacos.

Repare que todos esses problemas estão relacionados com o sistema nervoso, pois é onde esses medicamentos atuam.

Já os inibidores de gorduras apresentam ocorrência frequente de diarreia ou fezes moles, desconfortos gastrointestinais e desnutrição.

Emagreça de forma saudável

Emagrecer de forma saudável

Não há milagre no mundo das dietas. O importante é a perda de peso, mas de forma saudável, sem prejudicar o organismo.

Abaixo, seguem algumas dicas para ajudar no emagrecimento saudável:

  1. Tenha uma alimentação balanceada e variada.
  2. Prefira sempre os alimentos cozidos, assados ou grelhados. Evite frituras!
  3. Use cereais integrais em sucos de frutas naturais, em iogurtes e em vitaminas de frutas
  4. Use sempre leite e os seus derivados, desnatados
  5. Faça entre cinco e seis refeições por dia
  6. Coma bastante salada
  7. Beba bastante água
  8. Faça exercícios físicos
  9. Não coma rápido
  10. Procure descansar e dormir bem
  11. Evite açúcar
  12. Beba bastante chá
  13. Tenha foco e determinação. Não desanime!

Estas dicas são essenciais para as mulheres que desejam perder peso de forma saudável. Não vá atrás de dietas mirabolantes e milagrosas

Lembre-se que nada vem fácil e o que vem, vai mais fácil ainda. Portanto, procure um médico e um nutricionista, mantenha-se na dieta, respeite o seu corpo e o trabalho que foi pré-estabelecido.

Nada fará com que, em um curto período de tempo, tenha os resultados que deseja. Você vai alcançar o seu objetivo de forma gradual, natural, focando na sua alimentação e nos seus esforços.

Nada como a sensação de bem-estar evidenciando o objetivo alcançado. Isso faz a diferença e é dessa forma que deverá olhar no espelho e ver o que conseguiu conquistar.

As melhores receitas para emagrecer sempre serão as saladas, as sopas e os sucos, pois eles contêm alimentos ricos em fibras, vitaminas e minerais, que são importantes, pois dão a sensação de saciedade, previnem a prisão de ventre e limpam o organismo.

Se forem feitas com frutas e legumes, essas receitas devem ser consumidas antes do prato principal, pois elas farão com que o seu estômago fique cheio, diminuindo a quantidade de alimento a ser ingerido na refeição.

E se você é uma pessoa que tem pouco tempo e deseja entrar em forma, sem precisar ir a academia, te convido a conhecer melhor sobre os exercícios de alta intensidade que podem ser executados em seu próprio lar e não necessitam de aparelhos.

Veja uma demonstração: